#269 Mick Jagger da política vai à Rússia no pior momento

Bolsonaro embarca hoje para uma visita oficial ao presidente russo Vladimir Putin.

O encontro entre os dois deve ser na quarta, mesmo dia que, segundo os Estados Unidos passaram o final de semana inteiro jurando, a Rússia iniciará a invasão da Ucrânia. A viagem de Bolsonaro a Moscou gera um temor de que o presidente cometa alguma gafe diplomática em meio às tensões de guerra na Europa.

Desde que começaram as atuais tensões entre a Rússia e a OTAN por causa da Ucrânia, nunca a situação escalou tanto quanto neste final de semana. De um lado, os Estados Unidos reforçaram os alertas que têm feito nos últimos dias, de que a Rússia pode invadir a Ucrânia a qualquer momento.

Por outro lado, a Rússia iniciou exercícios militares pesados em Belarus, na fronteira com a Ucrânia. No final de semana, o presidente dos Estados Unidos conversou por telefone com o próprio Putin e ameaçou reagir em caso de invasão.

O presidente russo respondeu que não vai invadir a Ucrânia e que tudo não passa de histeria norte-americana. O primeiro-ministro da Alemanha, Olaf Scholz, entrou nas negociações às vésperas de viajar a Moscou. Biden falou também com o presidente da Ucrânia e com Emmanuel Macron.

Nos últimos dias, vários países esvaziaram suas embaixadas em Kiev e orientaram seus cidadãos a deixarem o país. O espaço aéreo continua aberto, mas as seguradoras já não cobrem mais voos para a Ucrânia

Em meio à tensão militar na fronteira entre Rússia e Ucrânia, Bolsonaro viaja hoje para Moscou, onde será recebido na quarta pelo presidente russo. Em seguida, visitará a Hungria, liderada pelo primeiro-ministro Viktor Orbán. 

A BBC já chamou Bolsonaro de “Mick Jagger da política” e lista uma série de trapalhadas internacionais do presidente. Ele apoiou irrestritamente a reeleição de Donald Trump e perdeu. Também apoiou candidatos derrotados em Israel, na Argentina, no Peru, no Chile etc.

A fama de pé frio do presidente também é sentida no futebol. Bolsonaro já deu azar para vários times brasileiros, que perderam, caíram de divisão ou perderam títulos após o presidente vestir a camiseta.

Mick Jagger ganhou fama de pé frio na Copa do Mundo de 2010, disputada na África do Sul. Na época, a presença do cantor foi notada em diversos jogos – sempre na torcida pelo lado perdedor. 

Quer receber a nossa curadoria de notícias?
Assine a newsletter diária! Deixe aqui seu e-mail:

Processando…
Sucesso!

O Primeiro Café é um podcast de notícias diário e ao vivo. Você pode ouvir e participar de segunda a sexta às 8h (horário de Brasília). Depois das 9h, o programa fica disponível nos seguintes tocadores:

Spotify
Apple
Google
Deezer
iHeartRadio
Castbox
Podcast Addict
Podchaser
YouTube

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s